Os glamourosos do Boti

Fui lá e cafunguei os novos glamourosos do Boti. A saber: Glamour Nuit e Glamour Exuberance. A dupla é edição limitada, cada um deles vem com 75 emieles e uma unidade sai por R$ 101 (por que raios não cobram 100 redondinhos?!). E é claro que lá vou começar a tagarelar sobre eles. Inicio os trabalhos pelo que menos me apeteceu.

Glamour Exuberance

Maçã, bergamota e violeta na saída. Cassis, canela e gardênia no coração. Cedro, musk, patchouli e baunilha na base.

E, bão, maçã, bergamota e cassis explodiram na minha fuça, meu povo! Opa, sem dó nem piedade. A saladinha de fruta chegou chegando. Ficou over, sabe como? Saca quando as notas berram na pele? Então, foi um berreiro só. Aquilo já tava me incomodando, não achei que fosse sair viva da experiência, e então ela apareceu! A nota mais odiada por minha pessoa! Valendo dérreal que você que me lê vai acertar. Sim, a própria, a violeta! E é claro que essa maledeta se destacou na minha pele, né? Àquela altura, minha enxaqueca já tava dando oi e o mundo a minha volta começava a balançar. E olha que provei o dito cujo num dia friozinho (imagino o estrago num dia daqueles de fritar ovo no asfalto). 

Adianta eu falar mais sobre esse perfume? Acho que não, né? Quer um conselho? Leia a resenha do Perfume na Pele. Lá tem tudo o que você precisa saber sobre ele. A pessoa aqui teve um bloqueio com a experiência e não vai conseguir escrever resenha nenhuma sobre o exuberante aí.

Glamour Nuit

Ele traz bergamota, flor de laranjeira, mandarina, neroli e pimenta rosa na abertura, orquídea, frésia, muguet, violeta e vetiver no coração, e âmbar, sândalo, patchouli, musgo de carvalho e musk na base. 

Só sei que esse é mais negócio. E que negócio! Mesmo levando violeta na composição, a dita cuja não berrou na minha pele (aleluia!). 

Achei um perfume aprimorado e adulto, diferentão do que a gente costuma encontrar atrás daquelas duas portas de vidro, sabe? Ele não tem cheiro de perfume bobo, não é doce, não é fresquinho, não é inho e não me parece caça-níquel. Entre outras coisas, Nuit prova que o Boticário ainda sabe fazer perfume bom. 

Em mim, ele abriu com uma laranjinha amarga salpicada com uma pimentinha sutil. Senti um quê de flores brancas embebidas numa nuança verdinha também. Gostei do atrevimento do vetiver. Nuit termina ambarado e amadeirado. Aliás, adorei o resultado requintado das notas de fundo na minha pele. Achei um perfume delicioso, sincero e surpreendente. Nem parece Boti. prontofalei

Comentários

  1. O Glamour Nuit realmente é um luxo. E caro! Mais caro do que luxuoso. Ainda sim, acho que vale a pena compra-lo.

    ResponderExcluir
  2. Adriana, considerando que são 75 ml, até que ele vale o que pedem sim.

    ResponderExcluir
  3. Ainda tô me questionando igual à você: por que cobrar 101 reais?????

    ResponderExcluir
  4. Adriana, de 1 em 1 o Boti enche o papo. rs

    ResponderExcluir
  5. O Glamour Nuit, na minha pele, lembrou muito o Narciso Rodriguez For Her...

    ResponderExcluir
  6. Claudia, eu não vi essa semelhança, mas sei de muita gente que viu.
    Bão, ainda bem que eu não vi, já que não curto o Narcisão. rs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Bora comentar aqui embaixo? Se joga!
Com classe, por favor!

arquivo do blog

Mostrar mais