Cheiro da vez: sal


O sal é um paradoxo. Ele salga e realça a doçura. Opa, como não? Se você vai pra cozinha, me entende. Caso não, experimenta botar uma pitadinha de sal no preparo da sua sobremesa (garanto que o sabor ficará ainda melhor). Deixemos os truques gastronômicos de lado, néam? Enfim, conheça agora alguns perfumes que levam o paradoxo ingrediente na composição.




L de Lolita (Lolita Lempicka)

Explosão encantadora de sal com baunilha e laranja. Foi falado aqui.









Moschino Glamour (Moschino)
Absinto, flor de tangerina, sal marinho, hibisco, nenúfar e orquídea é o que temos aí. [desconheço]








Womanity (Thierry Mugler)
Não tem o sal propriamente dito, mas tem caviar (nunca vi, nem comi, eu só ouço falar), que é meio salgadinho e, óbvio, salga a coisa toda. Tem figo também. No mais, Womanity não veste bem em mim, conforme você vê aqui (figo só fica bom na minha boca, não na minha pele).







Close (Gap)
Toque salgado cítrico que lembra a pele de quem acabou de sair do banho, segundo a divulgação oficial. [me é desconhecido]










Burberry Sport Women (Burberry)
Laranja com sal. Ah, então é o sal que deixa esse perfume esquisitinho na minha pele? prontofaleinãomemate 










Batucada (L'Artisan)
Bora homenagear o Rio de Janeiro botando sal no perfume? E não basta ter sal, tem que ter água do mar! Squidum dum dum, opa! [não conheço essa criação]




Gente, Demeter é covardia, ok? A marca tem perfume de tudo e mais um pouco, incluindo sal (vide Salt Air). Nem vou citar esses doidos aqui porque, bão, né? Oops, citei. Escapou. E chega de Demeter no Cheiro da vez, combinado?

Comentários

  1. Que sal dava sabor, tudo bem, eu sabia...mas que realçava aroma, não!
    Mas não tem que ter nariz biônico pra perceber não?
    BJo,

    Luciana

    ResponderExcluir
  2. um sal que recomendo é da linha Varens Original: Borneo Dream.
    Eu vivia procurando uma melancia substituta do Ralph Cool, o Borneo Dream estava em conta (como um Ulric de Varens deve ser) e fiz a compra no escuro. Achei estranho, o fragrantica só tinha escrito 'melancia', jasmim... meio genérico, não explicava muita coisa. Sai catando e acho q foi num site francês que descobri: sal. Então entendi melhor do que se tratava. A melancia dele não é gelada, não é a sensação dela que muitos perfumes com flor de lótus passam, é quente. Como se a fruta estivesse já a um tempo na praia, na temperatura ambiente de seus 30 graus. Vc sai da água do mar com o gosto do sal na boca e come um pedaço. De estranho comecei a achar diferente e agora já adoro a melancia salgadinha.

    ResponderExcluir
  3. Mulher sem Photoshop, que nada, menina! Tenta cafungar o L de Lolita e você vai sentir o sal direitinho por lá.

    daninha, caraca, que lance exótico! Fiquei até curiosa pra cafungar isso. Sabe que eu já comi um chiclete de melancia que era meio assim, salgadinho? Eu era criança e lembro bem do gosto.

    ResponderExcluir
  4. Nossa, entendo muito bem o que você quer dizer sobre o Demeter... hahahaha... Sempre que procuro sugestões no Fragrantica, não curto qdo vejo o pessoal sugerindo o Demeter. Não vale! O Demeter faz uma "produção em massa" de todos os cheiros do mundo mais para você guardar num potinho do que realmente usar. E o que a gente quer é a experiência de um perfume elaborado, aquele caminho mágico no qual as notas nos levam. É outra coisa! :)

    ResponderExcluir
  5. Olha só essa dica da Daninha... vou atrás...
    Sou suspeita, amo de paixão o salgado-doce que o L de Lolita trás. Já o Womanity... digo que ele é uma das maiores criações perfumísticas dos últimos anos. Ousado, atrevido, e que deu certo. O cheiro "marítimo" dele é diferente de qualquer outra coisa, sua estranheza é enorme, mas a soma de todos os seus fatores é positiva. Só recebo elogios com ele!
    No Moschino Glamour o sal é tão discreto que nem me atrevo a falar sobre...
    Os demais não posso opinar pois não conheço.
    Adoro seus post "temáticos"!

    ResponderExcluir
  6. Paula, exacto!

    Diana sempre enriquecendo a discussão. Menina, eu curto muito fazer esses posts porque aprendo bastante durante as pesquisas. Fico feliz que eles estejam agradando.

    ResponderExcluir
  7. Penso como a Diana, amo o Womanity, mas percebo bem o sal no Glamour. O sal tem cheiro sim (e realça outros cheiros), é só cheirar um pote de açúcar e um de sal para saber a diferença. Caron Miss Rocaille foi o perfume que me apresentou este cheiro de mulher (porque é), acho bacana demais!

    ResponderExcluir
  8. Perfume na Pele, nem me fale sobre o cheiro do sal puro. Ando sempre com sal na bolsa por causa de minha pressão despencante e o cheirinho dele é inconfundível mesmo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Bora comentar aqui embaixo? Se joga!
Com classe, por favor!

arquivo do blog

Mostrar mais