Desejos impossíveis

Sou bem desejosa. Pior que mulher grávida. Meu fraco, como está mais do que claro neste blog, são os perfumes. E basta eu ler algumas palavrinhas mágicas ao me deparar com alguma resenha perfumada que a coisa toma uma proporção fatal. As palavrinhas? Estas: “fragrância descontinuada”. A proporção? Esta: eu não sossego até conseguir o cheirinho em questãn!

Se o perfume é polêmico (do tipo ame ou odeio), pior (ou melhor). Aí que eu vou desejá-lo com vigor. Não raro, passo meses (e até anos) revirando a internê, em busca do difícil.

O caso mais complicado com o qual me deparei envolveu o Crème Brûlée (Tutti Dolci). Ganhei uma amostrinha de uma amiga há uns bons tempos e senti que precisava de um frasquinho pra mim. Foram anos atrás do dito cujo. Anos, meu povo! E, como quem espera sempre alcança, consegui um via eBay. Rojões!

Aliás, o eBay é uma excelente opção pra quem busca raridades. Minha dica: basta ficar de olho e comprar com vendedores que já possuem muuuuitas vendas e que têm mais de 99% de qualificações positivas. O problema é encarar os preços proibitivos que essas fragrâncias costumam ter.

Agora deixa eu compartilhar com vocês meus novos desejos “impossíveis”, nunca dantes cafungados por mim, todos eles mais do que descontinuados e, evidente, atuais alvos das minhas buscas. São eles:

Venezia (Laura Biagiotti)
Por que eu preciso?
Dizem que este perfume é um dos mais perfeitos orientais já feitos pelo homem. E, puxa, a família oriental é minha preferida, cara. Como se não bastasse, muita gente conta que ele é bem parecido com o Amber Romance (Victoria's Secret), outra de minhas paixões. Sorri ao saber recentemente ele voltará a ser fabricado este ano. Resta saber se a fragrância será idêntica à anterior.


Armani Sensi (Giorgio Armani)

Por que eu preciso?
Não o conheço, mas o amo. Os bons narizes insistem que ele é suave, refinadíssimo e de uma beleza singular. Ah, claro, ele pertence à família oriental, o que por si só já me faz revirar os olhinhos de alegria. Existiu também o flanker White Notes, possivelmente delicioso. Veja bem: existiu. Também foi descontinuado. Parece que era uma versão mais soft do Sensi.

Gloria (Cacharel)
Por que eu preciso?
Mais um oriental bem cotado. Baunilha amendoada cremosa e aconchegante? Opa, tô dentro! Quem o conhece, ama de paixão. Nada de meio-termo com ele. Impossível de achar hoje em dia.


Organza Indecence (Givenchy)
Por que eu preciso?
Como resistir àquele frasco leeendo, senhoras? Aquela roupinha esvoaçante me chama! No mais, nove entre dez perfumólatras falam horrores das maravilhas dessa fragrância. Esse outro que não fala é porque não a conhece. Rá! Brincadeiras à parte, Organza Indecence é mais um oriental badaladíssimo que desejo.


Shalimar Ode a La Vanille (Guerlain)
Por que eu preciso?
Shalimar é sempre poder! Com a baunilha acentuada então, nossa! Tenho o irmão dele, o Eau de Shalimar, que tem ênfase no aroma cítrico, e é meu perfume preferidíssimo (ainda faço um post sobre ele). Aliás, a história do Shalimar original é fantástica. Pesquisa pra você ver! E, pra quem não sabe, ele é considerado o primeiro perfume oriental (ui, oriental? é comigo mesmo!). Por essas e outras, preciso participar da ode à baunilha promovida pelo Shalimar! Aliás, eita perfume pra ter flanker bom, viu? Flanker e bom e descontinuado (vide também Shalimar Eau Lègére e etc). Ah, essa Guerlain...


PS: Juro que tentei colocar nest post as fotos de cada perfuminho. Acontece que o super legal editor do Blogger bagunçou tudo, de modos que abortei a operação.

Comentários

  1. OMG, soh porque eu sou apaixonada pelos orientais tb e agora vou querer enlouquecidamente todos esses daí!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Ou melhor, todos menos o Indecence q eu jah tive...qdo cheirei a primeira vez no cangote da diretora do meu banco achei a oitava maravilha, uma coisa assim 'licorice' de fundo aff, claro q comprei neh.. Mas como nunka dah pra prever, na minha pele nao foi aquilo tudo e eu acabei usando ele de aromatizador de ambientes, vê se pode!!
    Se a gnt morasse perto eu dava ele pra vc, q eh o q eu faço qda a essência nao 'orna' na minha pele..mas soh dou pra quem valoriza porque tem quem usa o frasco como enfeite e nunka usa, acho moh abuso!!!!

    ResponderExcluir
  3. Somos as doidas dos orientais! hahahaha

    Menina, vc usou o Indecence como aromatizador?! Ai, que pecado! rs Vc ainda tem ele aí? Pelo menos um restinho que sustente uma amostrinha pra esta que vos escreve? Eu pago a viagem. rs

    Eu já fiz aromatizador com o Thaty, do Boti, que passei a não curtir mais na minha pele. Pelo menos a roupa de cama ficava cheirosinha. rs

    ResponderExcluir
  4. Somos mesmo hahaha!!!

    Menina, vc tem sorte! Tinha certeza q tinha usado o Indecence (aromatizador rá) ateh o final, mas ainda tem 1 dedo q dah procê ter 1 idéia boa. A caixa tah meio detonadinha mas o perfume tava bem guardado num armario ventilado e escurinho...
    Te mando sem problemas sim.

    ResponderExcluir
  5. Alokaki ficou em transe pelo Gloria e pelo Venezia e pelo A.Sense! Descontinuado, Ediçao limitada, Difícil de encontrar sao frases q atiçam minhas bichas de maneira incontrolável!!!
    E ADIVINHA......
    Comprei o Gloria no ebay e paguei em euros aff, Jesus me defenda!!!!

    ResponderExcluir
  6. Uia, vou conhecer o Indecence! Que delícia! Uhu! Calcula o fretinho e me passa as coordenadas, colega. Pode mandar no meu e-mail: vanmulherzinha@yahoo.com.br

    Ai, vc comprou o Gloria? Tô furta-cor! Certeza que ele é bão. Certeza! rs E me conta tudo quando ele chegar. Se vc não curtir, tô na fila. Só não te pago em euros, ok? Vai em reaus mesmo. rs

    Ah, já comprei em euros várias vezes e deu tudo certo, viu? Às vezes compensa.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Bora comentar aqui embaixo? Se joga!
Com classe, por favor!

arquivo do blog

Mostrar mais